Avan√ßar para o conte√ļdo

Health Hackathon

O Health Hackathon √© uma iniciativa que visa promover uma cultura de inova√ß√£o aberta e um ecossistema multidisciplinar que envolva profissionais de sa√ļde e estudantes universit√°rios na solu√ß√£o de um desafio real proposto pelo Hospital da Luz Learning Health. O desafio √© lan√ßado aos participantes no primeiro dia do evento, sendo que tem de ser solucionado num prazo de 24 horas.

A 4¬™ Edi√ß√£o do Health Hackathon¬† decorreu no Centro de Simula√ß√£o Hospital da Luz Learning Health, em Lisboa nos dias 28 e 29 de outubro de 2023.¬† Esta edi√ß√£o especial contou com a organiza√ß√£o de membros da Associa√ß√£o Nacional de Estudantes de Engenharia Biom√©dica (ANEEB) e membros da Associa√ß√£o Nacional de Estudantes de Medicina (ANEM), procurando assim instigar a participa√ß√£o e a colabora√ß√£o de estudantes das diversas √°reas da sa√ļde.

O primeiro dia come√ßou com a rece√ß√£o dos participantes e, ap√≥s o momento de check-in, ocorreu a sess√£o de abertura. Esta foi marcada por breves palavras dos representantes das tr√™s entidades envolvidas (ANEEB, ANEM e Hospital da Luz) e, por √ļltimo, pela explica√ß√£o do desafio desta edi√ß√£o ‚ÄúComo tornar mais eficiente a rela√ß√£o cl√≠nico-paciente atrav√©s da tecnologia?”. Ap√≥s o primeiro momento de coffee break, foi iniciado o workshop denominado ‚ÄúHackathon Starter Kit‚ÄĚ, no qual cont√°mos com a presen√ßa da Dra. Eug√©nia Brito Raimundo que viria a transmitir aos participantes t√©cnicas fundamentais para gerir o tempo, trabalhar em equipa e resolver conflitos.

Ap√≥s o almo√ßo, os participantes tiveram um segundo momento de workshop dado pela professora Cl√°udia Antunes Marante e pela aluna Margarita Ojo da Silva, representantes do DSI-LAB e Venturely, no qual as convidadas deram dicas importantes para os participantes constru√≠rem um plano de neg√≥cios.¬† De seguida, os participantes tiveram a oportunidade de iniciar o seu trabalho em equipa come√ßando a p√īr em pr√°tica os conhecimentos que tinham adquirido.¬†

Seguiu-se o momento de mentoria, no qual os participantes puderam contar com a presen√ßa de profissionais das mais diversas √°reas. Para al√©m das representantes do DSI-LAB¬† & Venturely, puderam tamb√©m contar com Joana Pinto, CEO da Clynx; o Dr. Jo√£o Pedro Cola√ßo, m√©dico especialista em medicina intensiva; Rui Costa, Diretor Geral da General Electric HealthCare Portugal; o Dr. Jo√£o Magalh√£es, m√©dico e Co-fundador e CTO da Knok HealthCare; Rui Gouveia, Diretor Adjunto de Sistemas e Tecnologias de Informa√ß√£o e coordenador de SI/TI das Unidades norte e centro de Portugal; e Isabel Ventura, profissional no Departamento de Sistemas de Informa√ß√£o do Grupo Luz Sa√ļde, Digital Innovation.¬†

Ap√≥s este momento de partilha de ideias e conhecimento e, ap√≥s o segundo momento de coffee break, ocorreu o workshop denominado ‚ÄúComunica√ß√£o, Argumenta√ß√£o e Persuas√£o‚ÄĚ dado pela professora Teresa Santos-Silva com o intuito de munir os participantes de ferramentas que poderiam vir a utilizar no momento do pitch final.

No final deste workshop, os participantes deram continuidade ao seu trabalho na √Ęnsia de apresentar uma solu√ß√£o disruptiva para o desafio proposto, que viria a ser constru√≠da no decorrer da noite at√© √† manh√£ seguinte.

Pelas 11h, as equipas iniciaram a apresenta√ß√£o das suas solu√ß√Ķes a um multidisciplinar painel de j√ļri. Este painel foi composto por Isabel Ventura, Dr. Jo√£o Pedro Cola√ßo e Cl√°udia Antunes Marante, j√° integrantes em sess√Ķes anteriores, e ainda por Rute Sousa, Head of Strategy na Nova Medical School; e Henrique Martins, M√©dico e Professor na Faculdade de Medicina da UBI e em duas Faculdades de Gest√£o nas √°reas de Sa√ļde Digital, Lideran√ßa e Gest√£o.¬†

Finalmente, a equipa CuraTech consagrou-se vencedora, com uma solu√ß√£o que se focou na comunica√ß√£o entre doentes com feridas p√≥s-cirurgicas e a respetiva equipa m√©dica, tendo desenvolvido um dispositivo que faria a comunica√ß√£o direta entre a ferida e a equipa m√©dica, garantindo um acesso priviligiado ao seu estado de recupera√ß√£o. Ainda forma atribu√≠das men√ß√Ķes honrosas, destacando as equipas com a solu√ß√£o mais inovadora e com melhor pitch.¬†

Em concord√Ęncia com a sess√£o de abertura, representantes da ANEEB, ANEM e do Hospital da Luz deram o mote para o t√©rmino do evento.¬†

Aftermovie

Nos dias 26 e 27 de novembro de 2022 a ANEEB materializou a terceira edi√ß√£o do Health Hackathon no Centro de Simula√ß√£o Hospital da Luz Learning Health. Nesta edi√ß√£o, o desafio apresentado aos participantes foi ‚ÄúComo podemos evitar eficazmente as quedas em internamento?‚ÄĚ sendo que todas as equipas trabalharam incans√°velmente para apresentar ideias inovadoras e vi√°veis. Esta edi√ß√£o tomou os mesmos contornos das anteriores.

Aftermovie

A segunda edi√ß√£o do Health Hackathon tomou lugar nos dias 25 e 26 de setembro de 2021 sendo que, devido ao panorama pand√©mico vivido na altura, foi realizado em regime online. Foi mantida a parceria com o Hospital da Luz Learning Health e foram praticados os mesmos moldes da edi√ß√£o anterior. Nesta edi√ß√£o, para al√©m da equipa vencedora tamb√©m foram destacadas 2 men√ß√Ķes honrosas: a equipa que apresentou a solu√ß√£o com maior impacto social e a equipa que apresentou a solu√ß√£o com maior sustentabilidade.

Nos dias 21 e 22 de setembro de 2019 realizou-se a primeira edi√ß√£o do Health Hackathon no Hospital da Luz Cl√≠nica de Odivelas. Ao longo das 24 horas as equipas desenvolveram as suas solu√ß√Ķes tendo tamb√©m a possibilidade de assistir a workshops e participar em sess√Ķes de mentoria de modo a aperfei√ßoarem as suas ideias. A equipa vencedora foi premiada com um Cart√£o D√° no valor de 500‚ā¨, a possibilidade de inscri√ß√£o num dos eventos do Hospital da Luz Learning Health e o apoio na prototipagem e teste da solu√ß√£o¬† no Innovation Lab do Hospital da Luz Learning Health.

Aftermovie