No passado dia 27 de fevereiro teve início a décima quinta edição do Encontro Nacional de Estudantes de Engenharia Biomédica, XV ENEEB, que decorreu até ao dia 1 de março. A ANEEB teve o prazer de marcar presença neste encontro, que se realizou, pela primeira vez, na cidade de Aveiro. 

 

Dia 1

O primeiro dia começou com a chegada dos participantes à Reitoria da Universidade de Aveiro (UA). À medida que os autocarros chegaram, os estudantes foram recebidos e credenciados, algumas fotografias foram tiradas, e houve ainda oportunidade de passear e degustar as tradicionais “Tripas de Aveiro”. Após o almoço foi oficialmente dado início ao XV ENEEB, com a sessão solene de abertura, na qual participaram o Eng. Carlos Mineiro Aires, Bastonário da Ordem dos Engenheiros (OE), o Prof. Dr. Henrique Gil Martins, Presidente dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS), o Prof. Dr. Paulo Ferreira, Reitor da Universidade de Aveiro, e o Tiago Rodrigues, Presidente da Comissão Organizadora do XV ENEEB.

À tarde, os participantes usufruíram do peddypaper “Conhecer Aveiro”, que integrou uma viagem de moliceiro. O dia terminou com dois momentos de convívio, nomeadamente, uma febrada e uma festa. 

 

Dia 2

No dia seguinte, a manhã foi iniciada com visitas à BMD Software (empresa de soluções computacionais na área da saúde); à Crioestaminal (o maior banco de criopreservação em Portugal); à Lenitudes (centro de pesquisa vocacionado para o tratamento de doenças oncológicas); a vários laboratórios da Escola Superior de Saúde da Universidade de Aveiro; aos laboratórios de impressão 3D da Escola Superior de Design, Gestão e Tecnologias da Produção de Aveiro; ao laboratório de biomecânica no departamento de Engenharia Mecânica da Universidade de Aveiro; à RI.TE (empresa pioneira em tomografia por emissão de positrões); e ao CICECO – Aveiro Institute of Materials.

Em paralelo às visitas, decorreram ainda os challenges,nos quais equipas constituídas por 4 ou 5 estudantes foram postas à prova, tendo de apresentar soluções criativas em tempo limitado.

Após o almoço, as atividades continuaram com um debate de ética no âmbito da manipulação genética. Este debate contou com a presença do Dr. Rui Nunes, da Drª. Ana Sofia Carvalho, e da Drª Ana Gabriela Henriques.

Durante a tarde decorreu uma palestra intitulada de “Interpretabilidade em Deep Architectures: Será possível?” dada pelo Dr. Pedro Abreu, seguida de outra denominada “Bio-radar: Sistema de Aquisição de Sinais Vitais sem Contacto Físico” dada pela Eng. Carolina Gouveia, por fim, o Dr. Pedro Costa deu uma palestra sobre Biofabricação e organs-on-chips.

Finalizado o Coffee Break, 4 ex-alunos de Engenharia Biomédica deram um testemunho pessoal sobre o seu percurso académico e profissional, respondendo, de seguida a perguntas colocadas em mesa redonda.

De seguida, houve um pequeno diálogo, no qual participou a Presidente da ANEEB, Telma Esteves, o Reitor da Universidade de Aveiro, Paulo Jorge Ferreira, o Presidente da COENEEB, Tiago Rodrigues e o Ministro da Ciências, Tecnologia e Ensino Superior, Dr. Manuel Heitor.

A noite foi finalizada com um jantar de curso, no qual os estudantes tiveram oportunidade para criar laços com futuros engenheiros biomédicos de todo o país. Este convívio terminou com uma festa na Praça do Peixe.

 

Dia 3

No terceiro dia, a manhã iniciou-se com os workshops escolhidos pelos estudantes nas mais diversas áreas: impressão 3D de tecido, Sensores de fibra ótica, Laboratório de movimento humano, Análise e processamento de sinais fisiológicos, Biomateriais em busca de uma vida melhor, Python, Raios-X, entre outros.

De seguida, após o coffee break, seguiram-se três palestras, com os seguintes temas e oradores, respetivamente, Monitorização de tratamento com terapia de protões através de prompt-gamma imaging: uma simulação, proporcionada pelo Dr. Paulo Crespo, Importância da definição e da terceira dimensão na cirurgia endoscópica pelo Dr. Jaime Vilaça e, por fim, Recent Developments inProtontherapy – Technology for the Benefit of Patients, apresentada pelo Dr. Martin Grossman. 

 O programa da tarde arrancou com uma palestra dada pela Dra. Cláudia Quaresma que abordou o tema Engenharia Biomédica e o Encanto das Soluções Simples. De seguida, foi apresentada uma palestra com o tema Biosignalnotebooks, proporcionada pela PLUX e, por último, a VimelCare  expôs o tema How VimelCare can improve clinical practice

Para terminar esta tarde enriquecedora, os estudantes tiveram oportunidade de participar num momento de Networking, onde foi possível contactar com diferentes intervenientes na área de Engenharia Biomédica em Portugal, nomeadamente, a PLUX, a Ordem dos Engenheiros, a Nevaro, a VimelCare, entre outras. 

 O dia culminou numa noite de gala, na qual os estudantes tiveram oportunidade de conviver com alunos de todo o país num momento caracterizado pela elegância. No final do jantar, foram distribuídos vários prémios em categorias de forma a destacar uma pessoa ou faculdade por características demonstradas ao longo do evento. 

 

Dia 4

No quarto e último dia do XV ENEEB, os participantes tiveram a oportunidade de usufruir de uma manhã cultural que culminou numa visita ao distinto Farol de Aveiro. Após um breve almoço de porco no espeto e hambúrgueres de soja, deu-se início à Sessão Solene de Encerramento na Reitoria da Universidade de Aveiro, que contou com a presença da Vice-Presidente da COENEEB, Inês Lopes, a Presidente da ANEEB, Telma Esteves, o Diretor do Departamento de Física da UA, Prof. Dr. João Dias e o Diretor do Mestrado Integrado em Engenharia Biomédica da UA, Prof. Dr. João Veloso. No final da sessão, houve ainda oportunidade para apresentar a próxima COENEEB, pela voz da Presidente da Direção, Joana Patrão, responsável pela organização da XVI edição do ENEEB, a ser realizado em Coimbra em 2021.

O sentimento da COENEEB de Aveiro de dever cumprido e orgulho da experiência enriquecedora que conseguiu proporcionar aos estudantes de Engenharia Biomédica ao fim de quatro dias foi bem evidente. 

 

A ANEEB gostaria de agradecer à comissão organizadora e a todos os seus ajudantes pela dedicação e entrega que permitiram a realização de um evento muito enriquecedor, tanto a nível académico como social. Tal não seria possível sem uma disciplina irrepreensível e uma logística incrível revelada por todos os envolvidos na realização deste evento, que a ANEEB não poderia deixar de frisar.

Categorias: Notícia